Código de Barras Dando Erro: Como Resolver?

Hoje em dia usamos os códigos de barras para quase tudo: desde as contas de água, luz e telefone até as compras de supermercado. O sistema de código de barras é muito eficiente porque funciona de forma totalmente eletrônica. Quem se lembra dos caixas de supermercado digitando o preço de cada mercadoria para depois fazer a soma sabe o quanto a informatização tornou tudo muito mais prático.

Porém, ainda podemos ter alguma dificuldade na hora de usar essa tecnologia tão presente em nosso cotidiano. O leitor nem sempre reconhece o código e, muitas vezes, simplesmente não conseguimos efetuar o pagamento. Será por que isso acontece? Vamos entender melhor os erros com código de barras e aprender a resolvê-los.

1. Digitar os Números

O código de barras recebe esse nome porque é composto por uma série de barrinhas. Para nós, elas não significam nada, porém o leitor traduz suas espessuras em número e letras. Assim, o sistema que lê sabe exatamente qual é o valor da cobrança a partir dos dados contidos no código.

Só que esse leitor pode ter erro. Isso acontece por vários razões que vão desde problemas no infravermelho da máquina até falhas na impressão. Nesses casos, a melhor solução é digitar a sequência numérica correspondente. Como são muitos números, é fácil se equivocar. O ideal é conferir cada número na hora de digitar para não haver erros. Se você confirmar o pagamento com um valor acima do cobrado, por exemplo, a quantia poderá ser debitada da sua conta.

Código de Barras

Código de Barras

2. Conferir o Tipo e Cobrança

Outro erro bastante comum é na hora de escolher o tipo de cobrança. Os caixas eletrônicos e aplicativos bancários oferecem quase sempre duas opções: títulos e convênios. Os títulos (ou boletos) englobam todos os boletos bancários, como cobranças de aluguel, condomínio, mensalidades de escola, fatura de cartão e outros. Já os convênios são as cobranças geradas por concessionárias de água, luz e telefone, pagamento de impostos como PITU e GRUs (Guia de Recolhimento da União).

Se você tentar pagar uma conta de água como se fosse um boleto simples, por exemplo, a transação não será efetivada. A dica é observar os campos da linha digitável do código, que são diferentes nos dois tipos de cobrança. Na hora de digitá-las, os espaços, pontos e separações devem ser iguais ao que está impresso. Se apenas usar o leitor de código de barras, confira se selecionou a opção correta.

3. Cuidado com as Fraudes

Por causa do uso comum de boletos, existem quadrilhas especializadas na emissão de cobranças falsas. Programas maliciosos podem ser instalados em seu computador para alterar as cobranças enviadas por e-mail ou sites. Além disso, esses golpistas podem enviar boletos referentes a impostos, multas e outros encargos para sua casa.

A dica é sempre verificar se a cobrança é real. Entre em contato com o órgão que supostamente enviou o boleto para se certificar sobre a emissão da conta. Os números da linha digitável também ajudam na conferência. Eles devem corresponder ao banco que emitiu o boleto. Se desconfiar, não pague e tente averiguar a validade da cobrança.


RSS por email

Deixe sua opinião “Código de Barras Dando Erro: Como Resolver?

Regras para comentar

Os comentários são moderados e não serão aceitos ou respondidos sem cumprir as regras abaixo:

  1. Leia o artigo e os comentários para saber se sua questão já não foi respondida.
  2. Não respondemos por nenhuma empresa, sendo assim, não enviamos propostas ou damos suporte.
  3. Não faça propaganda.
  4. Comentários mal escritos, com erros e deselegantes, não serão aceitos.
  5. Não divulgue seus dados pessoais, como documentos, telefone, endereço etc, pois eles estarão vulneráveis.