Como Sacar Dinheiro em Caixa Eletrônico

Quem já tem conta em banco há mais tempo provavelmente está habituado com os saques em caixas eletrônico. Porém, como a população bancarizada não para de crescer, sempre tem alguém com dúvidas na hora de executar essas transações.

Em grande medida, o medo da tecnologia usada nos caixas é o que mais dificulta a operação. Os usuários que não estão acostumados com os sistemas totalmente eletrônicos têm maior resistência a esses equipamentos. Hoje em dia, no entanto, os bancos trabalham com sistemas bem simples e intuitivos. Seguindo as orientações que aparecem na tela e lendo tudo com bastante atenção, fica bem mais fácil sacar dinheiro e solicitar outros serviços.

Importante: pessoas com dificuldade em usar o caixa eletrônico devem tomar muito cuidado com a oferta de ajuda por estranhos. As senhas e dados pessoas nunca devem ser passados para outras pessoas. Na dúvida, o melhor é sempre procurar um atendente do próprio banco em vez de outros usuários.

O que eu preciso para sacar dinheiro?

Para efetuar o saque, o cliente do banco precisará, de um modo geral, de seu cartão magnético e senhas de acesso ao caixa eletrônico. Atenção: a senha nunca deve ser anotada em papéis ou no verso do cartão para garantir a segurança do próprio usuário.

Sacar Dinheiro

É preciso tomar muito cuidado ao sacar dinheiro em caixas eletrônicos

Vários bancos operam hoje com senhas específicas para uso dos caixas eletrônicos. Elas são compostas por sequências de letras e sílabas ou até mesmo palavras. Dependendo da transação e do valor da retirada, também poderão ser solicitados dados pessoais como nome dos pais, cidade de nascimento ou números iniciais do CPF.

E a biometria? O sistema de identificação biométrica é outro gerador de pânico entre os menos acostumados com a tecnologia. Contudo, a tendência é que todos os bancos passem a usar esse tipo de reconhecimento para aumentar a segurança das operações bancárias. Ainda existem caixas sem o sistema biométrico, mas o ideal é se cadastrar para já ir se adaptando.

Passo a passo do saque em caixa eletrônico

Agora que você já conhece o procedimento de forma mais geral, vale a pena conferir o passo a passo para realizar o saque sem problemas.

  1. Escolha qual será o caixa eletrônico utilizado, dando sempre preferência para aqueles que oferecem maior segurança. Locais públicos, claros e acessíveis costumam ser os melhores. Os caixas localizados na parte externa de agências também contam com vigias na maior parte do tempo.
  2. Verifique, se possível, quais são os limites de saque da sua conta com antecedência para não ter surpresas. Dependendo do banco e do uso geral feito pelo correntistas, esse valor pode ser bem reduzido.
  3. Olhe o entorno para se certificar de que não tem ninguém observando enquanto você realiza o saque. Lembre-se que o golpe conhecido como “saidinha de banco” ainda faz vítima em todo o país.
  4. Depois de verificar se o local é seguro, coloque o cartão e selecione a opção de saque. É muito importante ler cada instrução e não fazer tudo muito rápido.
  5. Confirme a senha quando for solicitado pelo caixa eletrônico. Veja qual é o tipo de senha solicitada e aumente a atenção na hora de digitá-la. Ninguém nunca deve ter acesso a sua senha. Ela é pessoal e intransferível.
  6. Conte o dinheiro liberado, pois pode acontecer do caixa emitir menos que o solicitado. Nesse caso, a reclamação deve ser feita imediatamente pelo telefone ou nas agências.
  7. Finalize o caixa eletrônico para que outras pessoas não tenham acesso aos seus dados. Guarde o dinheiro e evite mostrar o quanto sacou.

Seguindo todos esses passos, você conseguirá sacar dinheiros nos caixas eletrônicos de forma segura.


RSS por email

Deixe sua opinião “Como Sacar Dinheiro em Caixa Eletrônico

Regras para comentar

Os comentários são moderados e não serão aceitos ou respondidos sem cumprir as regras abaixo:

  1. Leia o artigo e os comentários para saber se sua questão já não foi respondida.
  2. Não respondemos por nenhuma empresa, sendo assim, não enviamos propostas ou damos suporte.
  3. Não faça propaganda.
  4. Comentários mal escritos, com erros e deselegantes, não serão aceitos.
  5. Não divulgue seus dados pessoais, como documentos, telefone, endereço etc, pois eles estarão vulneráveis.