Quando o TED é Compensado? E o DOC?

Algumas transações realizadas por meio das instituições financeiras levam tempo para serem concluídas. As operações de TED e DOC, apesar de simples e parecidas podem apresentar grandes diferenças nesses prazos. Neste artigo vou te explicar a diferença entre as duas operações e os horários de compensação de ambas.

Primeiro, vamos entender a diferença entre as duas transferências:

  • DOC: O Documento de Crédito nada mais é que uma operação de transferência de valores entre contas bancárias, ou depósitos diretos com o valor máximo de R$ 4.999,99 por operação. A grande diferença para o TED é o limite de transferência e o tempo de processamento.
  • TED: A Transferência Eletrônica Disponível, criada em 2002, não possuí limite de valor e geralmente é uma opção mais rápida de processamento, ou seja, seu dinheiro é liberado em menos tempo.

Como podemos concluir após tomar conhecimento do que significam as operações de TED e DOC, é que o tempo entre o depósito e a liberação do dinheiro é um característica primordial na hora de escolher qual tipo de transação realizar. É exatamente esses prazos que vou detalhar a seguir.

Horário de Compensação do TED?

Caracterizado por ser um processo mais rápido, geralmente o dinheiro transferido por meio do TED é liberado em torno de 30 min.

Mas esse prazo vale, apenas, para transações realizadas em dias úteis, dentro do horário de funcionamento do banco. Após esse período o processo só acontece no dia útil seguinte, ou seja, após as 17h, aos sábados, domingos e feriados, só é possível agendar essas transações.

Horário de Compensação do DOC?

Valores movimentados por meio de DOC possuem um tempo maior de processamento, mais precisamente, de dois dias úteis, a contar pelo dia em que o processo foi cadastrado no sistema até o dia útil seguinte.

Da mesma forma que acontece na opção anterior, no DOC, valores cadastrados após o horário de funcionamento do banco ou durante fins de semana e feriado só serão processados no dia útil seguinte, que é quando começa a contar o prazo para liberação.

Horário de Funcionamento dos Bancos

No geral o horário de funcionamento das agências físicas é de:

transferencias

Transferências são mais seguras que dinheiro

  • de 10h às 16h nas capitais;
  • de 11h às 16h no interior.

Porém não há nada que regulamente e obrigue as instituições a cumprir esse horários, por esse motivo pequenas variações são possíveis. Vale a pena conferir os horários da sua cidade, ou não deixar pra ir próximo das 16h, para diminuir as chances de achar a agência fechada.

São considerados dias úteis bancários, de segunda a sexta, todas as semanas do ano. As únicas exceções à essa regra são as segundas e terças de carnaval, dia de corpus christi, o último dia útil do ano e datas regionais. Vale ressaltar que tanto as datas comemorativas regionais, quanto outras oportunidades nas quais as agências não forem abrir serão devidamente divulgadas nas mídias da sua região.

Estes feriados regionais, no entanto, não interferem no processamento de transferências feitas por meios digitais, como caixas eletrônicos, internet e celulares.

Algo que costuma fechar as agências e gerar grandes transtornos são os períodos de greve dos bancários, que infelizmente são bem comuns. Mas como foi dito anteriormente, esses eventos são amplamente divulgados nas mídias e jornais locais.

Ficou com alguma dúvida, ou na sua cidade os horários e prazos são muito diferentes? Comenta aqui embaixo, isso nos ajuda a manter as informações sempre atualizadas e pode ser de grande auxilio para outros leitores também.


RSS por email

Deixe sua opinião “Quando o TED é Compensado? E o DOC?

Regras para comentar

Os comentários são moderados e não serão aceitos ou respondidos sem cumprir as regras abaixo:

  1. Leia o artigo e os comentários para saber se sua questão já não foi respondida.
  2. Não respondemos por nenhuma empresa, sendo assim, não enviamos propostas ou damos suporte.
  3. Não faça propaganda.
  4. Comentários mal escritos, com erros e deselegantes, não serão aceitos.
  5. Não divulgue seus dados pessoais, como documentos, telefone, endereço etc, pois eles estarão vulneráveis.