Limite do Cartão Estourado – O Que Fazer?

Quem acompanha as publicações do Crédito e Débito sabe que nós apoiamos o uso consciente do cartão de crédito. Os consumidores que entendem o funcionamento do cartão, são capazes de fugir das armadilhas criadas pelas financeiras e somente usufruir dos benefícios da forma de pagamento. Além disso, o uso do cartão de crédito trás muito mais conforto e segurança nas compras.

Porém, não é todo mundo que consegue administrar os gastos, o que pode levar ao mau uso do cartão de crédito e até mesmo às dívidas. Deixar o limite do cartão estourar e atrasar o pagamento da fatura são as principais formas de mau uso do cartão.

Cartão Estourado

A expressão “estourar o limite” é usada para aquelas situações em que o comprador gastou todo o limite de crédito disponibilizado pelo banco. Se o limite do seu cartão é de R$ 2.000,00 e você “torrou” essa quantia em um mês, podemos dizer que seu cartão está estourado, ou seja, sem saldo para despesas. Assim, você não poderá realizar mais compras com o seu cartão até que o limite seja restabelecido.

Essa prática é problemática porque revela que o usuário da forma de pagamento não tem controle sobre a própria vida financeira. Assim, é muito comum que o ato de estourar o limite se torne o primeiro passo para uma situação de superendividamento.

Compras Parceladas

As compras parceladas são as maiores vilãs nesses casos. Quando alguém compra uma mercadoria em várias parcelas, o valor total é deduzido do limite. Então, voltando ao exemplo anterior, se você comprar uma geladeira de R$ 1.999,00 em dez parcelas de R$ 199,00, antes de pagar a primeira prestação seu cartão ficará sem limite.

O limite vai retornando aos poucos, de acordo com os pagamentos das parcelas. Ou seja, após o pagamento da primeira parcela, o seu limite será de R$ 200,00; pagando a segunda parcela, o limite aumentará para R$ 400,00, e assim por diante.

Cartão Estourado

O natal já é conhecido como uma das principais datas de compras e muitas pessoas acabam abusando nessa época do ano!

Dicas Financeiras

Aconteceu com você? Fique tranquilo e pense em como resolver o problema de forma prática. Para ajudar, separamos algumas dicas para quem está com o cartão estourado:

  • Planeje-se para pagar o valor total da fatura, mesmo que seja necessário recorrer à poupança ou outra reserva. Em algumas situações, vale a pena pegar um empréstimo com juros menores, do que entrar no crédito rotativo;
  • Não tente contratar outro cartão para ter mais limite, pois isso pode agravar ainda mais a situação. Isso é o que acontece com muitas pessoas, na busca de um limite maior, acabam se endividando mais;
  • Só aumente o limite do cartão se a soma não exceder 1/3 da sua renda mensal;
  • Evite solicitar o serviço de limite emergencial, que é tarifado e custa caro.

Seguindo estas dicas e controlando os seus gastos, nunca gastando mais do que ganha, você conseguirá usar o cartão de crédito aproveitando todos os seus benefícios.


RSS por email

Deixe sua opinião “Limite do Cartão Estourado – O Que Fazer?

Regras para comentar

Os comentários são moderados e não serão aceitos ou respondidos sem cumprir as regras abaixo:

  1. Leia o artigo e os comentários para saber se sua questão já não foi respondida.
  2. Não respondemos por nenhuma empresa, sendo assim, não enviamos propostas ou damos suporte.
  3. Não faça propaganda.
  4. Comentários mal escritos, com erros e deselegantes, não serão aceitos.
  5. Não divulgue seus dados pessoais, como documentos, telefone, endereço etc, pois eles estarão vulneráveis.