Venda no Crediário com as Máquinas da Cielo

Banner Cielo 300x250

No início de 2012, a Cielo, uma das principais empresas do ramo de recebimento de cartões, disponibilizou a venda no crediário através de seus terminais eletrônicos. O crediário era uma forma de pagamento muito utilizada a alguns anos atrás, por pequenos comércios, que queriam permitir que seus clientes parcelassem suas compras. Esse tipo de venda era feita através de um carnê, que os clientes pagavam mensalmente, no próprio estabelecimento onde a compra foi realizada.

Hoje em dia, a função crediário pode ser usada em algumas marcas de maquininhas de cartão de crédito e é a modernização dos antigos carnês. É o caso da Cielo, que como dissemos no início, já faz a venda no crediário através de sua maquininha.

Com a nova função, é possível fazer compras parceladas em até 48 vezes utilizando o cartão de crédito. Consumidores e comerciantes saem beneficiados: quem compra conta com a praticidade das maquininhas e quem vende recebe o valor integral do produto no dia seguinte.

Cartões Credenciados

Até o presente momento, o serviço está disponível para os cartões do Bradesco e cartões Ourocard do Banco do Brasil, com a bandeira Visa ou Elo. Contudo, a aprovação da venda no crediário depende de uma análise de crédito realizada pelo banco. Isso quer dizer que o limite para esse tipo de compra pode variar dependendo do histórico financeiro do cliente, renda mensal e outros fatores.

Quem Aceita Cielo Crediário?

Cielo Crediário

Entenda mais sobre o Crediário da Cielo

Alguns leitores do blog Crédito e Débito nos enviaram comentários sobre a falta de estabelecimentos que oferecem a venda no crediário utilizando o cartão de crédito. É preciso lembrar que o serviço é relativamente recente. Por isso, muitos comerciantes ainda desconhecem essa possibilidade. Com o passar do tempo, é possível que um número maior de estabelecimentos passe a aceitar a venda no crediário. Se você tem o interesse em fazer sua compra no crediário, é importante sempre perguntar o comerciante se ele aceita essa forma de pagamento antes de fazer a compra.

A Cielo, juntamente com o Banco do Brasil, vem criando campanhas para mostrar os benefícios do crediário para as empresas. Os pequenos comerciantes são o principal alvo dessas campanhas, pois podem ampliar as suas vendas e melhorar o fluxo de caixa. Por outro lado, os grandes estabelecimentos, que já oferecem a venda no carnê ou cartão próprio, certamente terão mais resistência em utilizar o serviço oferecido pela Cielo.

Mais Informações

Se você quer operar com as vendas no crediário em sua empresa ou deseja saber mais sobre essa modalidade, sugerimos que entre em contato com a Cielo para maiores informações:

  • Site da Cielo: www.cielo.com.br;
  • Central de Relacionamento Cielo: 4002 5472 (capitais e regiões metropolitanas) ou 0800 570 8472 (demais localidades).

Veja também o vídeo tutorial que explica como fazer vendas e simulações de vendas no crediário na maquininha da Cielo:

Banner Cielo 300x250

RSS por email

2 Comentários em “Venda no Crediário com as Máquinas da Cielo

  1. alessandro disse em 09/01/2013 às 01:16:

    Ola!
    recebi esta modalidade de credito no meu cartão de cerdito, mas ainda não encontrei aqui algum estabelecimento que aceite esta modalidade, sou membro do mercado livre ha muitos anos e nem esta empresa aceita, acredito que esta modalidade tem que passa mais credibilidade para os empresários e consumidores para funcionar melhor obrigado!

    • Emília Silva disse em 17/01/2013 às 23:53:

      É isso mesmo, Alessandro. Como o serviço é recente, muitas empresas ainda não disponibilizam a venda no crediário. Com o passar do tempo, é possível que a modalidade emplaque e funcione melhor. Nós, como consumidores, podemos pressionar as lojas para que elas passem a disponibilizar o pagamento no crediário.

Deixe sua opinião “Venda no Crediário com as Máquinas da Cielo

Regras para comentar

Os comentários são moderados e não serão aceitos ou respondidos sem cumprir as regras abaixo:

  1. Leia o artigo e os comentários para saber se sua questão já não foi respondida.
  2. Não respondemos por nenhuma empresa, sendo assim, não enviamos propostas ou damos suporte.
  3. Não faça propaganda.
  4. Comentários mal escritos, com erros e deselegantes, não serão aceitos.
  5. Não divulgue seus dados pessoais, como documentos, telefone, endereço etc, pois eles estarão vulneráveis.