O que é e como funciona a Conta Conjunta

A conta conjunta é uma espécie de conta bancária que possui mais de um titular independente do grau e relação entre eles. É muito comum que casais utilizam a conta conjunta para facilitar o planejamento financeiro familiar, mas o uso também é comum entre sócios, irmãos e membros da mesma família que desejam compartilhar recursos em um único lugar. Dessa forma, qualquer um dos titulares pode realizar pagamentos e movimentações na conta.

Saiba mais sobre esse serviço bancário e conheça as vantagens e desvantagens da conta conjunta.

Tipos de Conta Conjunta

De um modo geral, os bancos oferecem dois tipos diferentes de conta conjunta: a conta solidária e a conta simples. A conta conjunta solidária é mais indicada para casais, enquanto a conta conjunta simples funciona melhor para sócios de uma mesma empresa. Sabe porque? Veja a diferença entre as duas modalidades:Conta Conjunta

  • Conta Conjunta Solidária: nesse tipo de conta qualquer um dos membros pode realizar transações, como pagamentos, transferências e saques, sem consultar os demais titulares, ou seja, um titular pode ter acesso a todo o montante de uma única vez sem que o outro saiba.
  • Conta Conjunta Simples ou Não Solidária: as movimentações na conta só podem ser feitas com a autorização de todos os titulares. Nesse caso, há uma garantia extra pois um titular não poderá fazer nenhuma transação sem o conhecimento e consentimento do/s outro/s titular/es.

Vantagens e Desvantagens da Conta Conjunta

A principal vantagem de se compartilhar uma conta bancária é garantir que mais de uma pessoa possa administrar o montante depositado no banco e concentrar as atividades bancárias. Assim, as finanças familiares ou de uma empresa podem ser geridas de forma conjunta, sem que uma pessoa tenha mais poder em relação ao dinheiro ou que ele fique disperso em diferentes contas.

No entanto, é preciso ter uma relação estável e confiável entre os titulares para que a conta conjunta não se torne um grande problema. Mesmo entre casais, o uso de duas contas distintas pode ser mais indicado, para evitar que os problemas financeiros se transformem em problemas de relacionamento. Por outro lado, se um casal divide as despesas do mês, elas podem ser adicionadas ao débito automático da conta conjunta e a cada mês cada um deles deposita o valor correspondente em uma única conta.

Em 2006 o Banco Central determinou que em casos de problemas com a emissão de cheques de uma conta conjunta, apenas o titular que assinou o cheque terá seu nome incluído no CCF (Cadastro de Emitentes de Cheques sem Fundos). Dessa forma, os demais titulares da conta não são prejudicados nesse tipo de situação.

Como Abrir uma Conta Conjunta

O portador de uma conta corrente pode solicitar, a qualquer momento, a inclusão de outros titulares na conta. Ao abrir uma conta bancária, também é possível optar pela conta conjunta ao invés da conta corrente simples. O ideal é procurar o gerente do banco para que ele esclareça possíveis dúvidas e realize a abertura da conta. Abaixo listamos os documentos necessários para abrir uma conta conjunta:

  • RG e CPF de todos os titulares
  • Comprovante de residência recente
  • Comprovante de renda

Procure o seu banco para mais informações.


RSS por email

Deixe sua opinião “O que é e como funciona a Conta Conjunta

Regras para comentar

Os comentários são moderados e não serão aceitos ou respondidos sem cumprir as regras abaixo:

  1. Leia o artigo e os comentários para saber se sua questão já não foi respondida.
  2. Não respondemos por nenhuma empresa, sendo assim, não enviamos propostas ou damos suporte.
  3. Não faça propaganda.
  4. Comentários mal escritos, com erros e deselegantes, não serão aceitos.
  5. Não divulgue seus dados pessoais, como documentos, telefone, endereço etc, pois eles estarão vulneráveis.