Hipoteca: Crédito com Garantia de Imóvel

O seu imóvel quitado pode servir de garantia para que você consiga um empréstimo pessoal. Essa linha de crédito, conhecida como hipoteca, é muito antiga, mas voltou à tona nos últimos anos. Em 2011, o crescimento do crédito hipotecário no Brasil foi equivalente a 550% – um número bastante expressivo. O crédito vem sendo utilizado para quitar dívidas, financiar estudos, garantir a expansão dos negócios ou mesmo para adquirir um segundo imóvel. Diante desse quadro, fica a pergunta: será que hipotecar a casa vale a pena?

Funcionamento do Crédito Hipotecário

Em tese, a hipoteca é uma forma rápida e barata de conseguir crédito no mercado, pois um imóvel é usado como garantia. Isso quer dizer que o imóvel fica alienado ao banco durante a duração do empréstimo. Caso a pessoa não quite as parcelas, a instituição financeira resgata o bem.

De um modo geral, as instituições financiam algo entre 50% e 70% do valor de venda do imóvel. Como a inadimplência é praticamente impossível, já que ninguém quer perder o seu imóvel para o banco, os mesmos oferecem prazos maiores e taxas mais em conta para o crédito hipotecário. Até mesmo porque se o empréstimo não for pago, o banco tem o imóvel como garantia, o que facilita o crédito.

No entanto, o risco para quem toma o empréstimo é grande. Essa modalidade só vale a pena se o indivíduo tiver certeza que poderá honrar a dívida, lembrando que todos estão suscetíveis a emergências e imprevistos.

Bancos que Oferecem Hipotecas

Hipoteca

Conheça mais sobre as hipotecas

Atualmente, quase todos os bancos oferecem a hipoteca, mas é preciso ficar atento, porque os nomes variam de instituição para instituição. Abaixo, listamos alguns dos produtos disponíveis no mercado:

  • Crédito Imóvel Próprio CAIXA: o imóvel usado na garantia pode ser comercial ou residencial, com financiamento de R$ 20 mil a 60% do valor do imóvel, 360 meses para pagar e taxas entre 1,35% e 1,76% ao mês, acrescida de TR;
  • Crédito Imóvel Próprio BB: a hipoteca do Banco do Brasil só opera com imóveis residenciais, financia até 60% do valor do bem e tem taxas a partir de 1,75% ao mês. O cliente tem até 15 anos para pagar;
  • Santander Crédito com Garantia de Imóvel: assim como o BB, o Santander financia até 60% do valor do imóvel, com 15 anos para pagar e juros de 1,53% ao mês.

Os juros, como você pode observar, são mais baixos que os do cartão de crédito, cheque especial, empréstimos pessoais e até mesmo alguns tipos de empréstimos consignados. Mas não se pode esquecer que o risco do crédito hipotecário é muito alto. Para adquirir um segundo imóvel, vale mais a pena recorrer aos financiamentos específicos, que têm taxas ainda mais baratas. Antes de optar pela hipoteca, o ideal é avaliar bem todas as condições, pesar os prós e contras e ter em mente que o imóvel estará alienado durante todo o período. Pode compensar, mas a escolha deve ser feita com cautela.


RSS por email

Deixe sua opinião “Hipoteca: Crédito com Garantia de Imóvel

Regras para comentar

Os comentários são moderados e não serão aceitos ou respondidos sem cumprir as regras abaixo:

  1. Leia o artigo e os comentários para saber se sua questão já não foi respondida.
  2. Não respondemos por nenhuma empresa, sendo assim, não enviamos propostas ou damos suporte.
  3. Não faça propaganda.
  4. Comentários mal escritos, com erros e deselegantes, não serão aceitos.
  5. Não divulgue seus dados pessoais, como documentos, telefone, endereço etc, pois eles estarão vulneráveis.