Vale a Pena Comprar no Carnê de Crediário?

O hábito de comprar no carnê de crediário ainda é comum entre os brasileiros, sobretudo para as famílias de baixa renda. Muitas dessas pessoas não têm condições financeiras para adquirir um produto mais caro à vista. Assim, optam pelo crediário para adquirir móveis, eletrodomésticos e outros itens. O grande problema é que essa modalidade de pagamento pode ter uma cobrança elevada de juros. Assim, o que deveria beneficiar o consumidor acaba contribuindo para o endividamento. Vamos entender melhor como funciona as vendas no carnê e quando utilizar esse recurso.

Crediário

Cuidado com os juros!

Como Funciona o Carnê

Para fazer um carnê de crediário, o comprador precisa passar por uma análise de crédito. A loja analisará o risco da transação, ou seja, quais são as chances do consumidor dar o calote na dívida. Se o crédito for aprovado, será emitido o carnê, com várias boletas para o pagamento das prestações. É importante lembrar ainda que o atraso no pagamento das parcelas implica em cobrança de multa.

Produto Mais Caro

Como dissemos, as vendas no crediário normalmente são feitas com cobrança de juros. Assim, o comprado pode pagar quase o dobro do valor à vista ao final das parcelas. Por isso, é essencial pesquisar preços e levar a calculadora na hora de comprar. Calcule o custo final da mercadoria e analise se o valor da prestação não comprometerá sua renda.

Mesmo se a loja afirmar que o parcelamento é feito sem juros, não deixe de observar o valor total do produto. É comum que os comerciantes elevem o preço das mercadorias para pagamentos a prazo, mas deem um bom desconto nas compras à vista. Isso quer dizer que os juros já estão embutidos preço.

Vale a Pena?

O ideal é que o consumidor possa juntar o dinheiro necessário para comprar o produto à vista. Assim, é possível negociar o preço, aproveitar promoções e pagar menos pela mercadoria. Se isso não for possível, compare valores antes de comprar no crediário e não faça dívidas muito altas. Outra dica importante é não ter vários carnês ao mesmo tempo, para a dívida não virar uma bola de neve.


RSS por email

Deixe sua opinião “Vale a Pena Comprar no Carnê de Crediário?

Regras para comentar

Os comentários são moderados e não serão aceitos ou respondidos sem cumprir as regras abaixo:

  1. Leia o artigo e os comentários para saber se sua questão já não foi respondida.
  2. Não respondemos por nenhuma empresa, sendo assim, não enviamos propostas ou damos suporte.
  3. Não faça propaganda.
  4. Comentários mal escritos, com erros e deselegantes, não serão aceitos.
  5. Não divulgue seus dados pessoais, como documentos, telefone, endereço etc, pois eles estarão vulneráveis.