A anuidade é uma espécie de taxa de manutenção cobrada pelas administradoras para que você possa utilizar o cartão de crédito como forma de pagamento. Em tese, a tarifa é cobrada uma vez ao ano, mas hoje em dia a maior parte das instituições financeiras divide esse valor em várias parcelas que são incluídas na fatura do cartão. O valor da anuidade pode variar muito. Tudo vai depender do tipo de cartão escolhido, dos benefícios oferecidos e até mesmo do banco emissor. Um cartão básico, por exemplo, tem anuidade em torno de R$60,00, enquanto um cartão black pode custar até R$500,00 por ano.

Mas, afinal de contas, é possível ficar livre da cobrança de anuidade? Sim. Na verdade existem duas alternativas para não pagar a tarifa: negociar com a administradora do cartão ou optar por alguns dos cartões sem anuidade disponíveis no mercado.

Anuidade do Cartão
Fique livre da cobrança de anuidade

Como Negociar a Anuidade do Cartão

Muitos especialistas em finanças costumam afirmar que só paga anuidade quem quer. Isso por que a maior parte dos bancos prefere isentar o cliente da tarifa a perdê-lo. Assim, a melhor maneira de reduzir ou zerar a anuidade do cartão é ter um bom relacionamento com o banco. Para tentar a negociação, você pode ligar na central de relacionamentos do seu cartão ou conversas diretamente com o gerente. Às vezes vale a pena “ameaçar” dizendo que cancelará o cartão.

Cartões Sem Anuidade

Você também podem trocar o seu cartão por outro que não tenha cobrança de anuidade. A dica é pesquisar as várias opções disponíveis no mercado e escolher o mais vantajoso. Alguns bancos impõem condições para que o cliente não pague a anuidade, como utilizar o cartão todos os meses, por exemplo. Também é bem comum que os cartões sejam gratuitos somente no primeiro ano. Tudo isso deve ser levado em consideração para evitar dores de cabeça futuras.

Outras Dicas

  • É possível usar os pontos dos programas de recompensa para conseguir descontos na anuidade do cartão;
  • Na hora de negociar, insista na gratuidade e não aceite as primeiras ofertas do banco;
  • Se a anuidade é cara e o banco se recusar a negociar, talvez valha realmente a pena cancelar o cartão.