Bom Pra Todos- Como Conseguir Crédito? Quais as Taxas?

Muitas pessoas necessitam de linhas de crédito para realizarem compras de bens com maior valor agregado, realizar reformas, pagar dívidas, dentre outras questões. Porém, mesmo precisando, as pessoas costumam evitar obter empréstimos devido às altas taxas de juros, que deixam as dívidas extremamente caras e desequilibram ainda mais a situação financeira do indivíduo.

Para auxiliar os seus clientes e ajudá-los a resolver a situação financeira, o Banco do Brasil oferece o Bom Para Todos. Este é um programa de linhas de crédito com taxa de juros reduzidas, para os clientes do Banco do Brasil que estão precisando de dinheiro. Estas taxas incluem financiamentos e também de empréstimos.

Bom para Todos

O programa Bom para Todos tem como lema principal “Pra ser bom pra gente, tem que ser bom pra você”. Assim, o banco tem como principal objetivo oferecer aos clientes taxas de juros que sejam benéficas. Desta forma, para ser bom para todos, reduziram-se as taxas de diversas linhas de crédito.

A taxa de juros alta é o principal motivo de endividamento a longo prazo, no que se trata das linhas de crédito. Elas aumentam a dívida do indivíduo, acrescendo-a a cada mês e também prejudicando financeiramente o devedor, que demorará muito tempo até conseguir quitar todo o valor.

Apesar da Caixa concentrar 70% das linhas de crédito do país, esta não é a instituição que possui, necessariamente, as taxas de juros mais baratas. Por exemplo, as linhas tradicionais da Caixa Econômica federal possuem taxas a partir de 7,5% mais Taxa Referencial. Já o Banco do Brasil possui taxas a partir de 7,4% ao ano, no que se trata do financiamento imobiliário. Apesar do que muitos pensam, 0,1% representa grande diferença para as pessoas que desejam economizar.

Conheça o Programa Bom para Todos.

Conheça o Programa Bom para Todos.

O Bom para Todos é um programa exclusivo para clientes Banco do Brasil. Assim, para que os indivíduos possam usufruir destas taxas menores e mais vantajosas, é necessário que eles tenham uma conta-corrente no banco.

Quais são as taxas?

O Bom para Todos está disponível tanto para financiamentos quanto para empréstimos. No financiamento de imóvel, pode-se usufruir de taxas a partir de 7,9% ao ano. Para compra de materiais de construção, taxas a partir de 1,57% ao mês. Já para financiamento de carros novos, o cliente Banco do Brasil conta com taxas a partir de 0,90% ao mês. E, para motos novas, taxas a partir de 1,44% ao mês.

Ainda, caso não seja inicialmente cliente do Banco do Brasil, mas tenha interesse em se tornar um e aproveitar as taxas vantajosas, pode-se levar para o BB um financiamento de veículo contratado em outro banco. A taxas são a partir de 0,90% ao mês.

Caso não deseje obter um financiamento, mas sim um empréstimo, para que o dinheiro seja utilizado da forma que desejar, pode-se optar pelo BB Crédito Consignado INSS, com taxas a partir de 0,85% ao mês, ou empréstimo com garantia de imóvel próprio, com taxas a partir de 1,52% ao mês. Já o empréstimo com garantia de veículo próprio possuem taxas a partir de 1,43% ao mês.

É importante mencionar que a obtenção de crédito está sujeita a aprovação cadastral do cliente e também deve respeitar todas as condições da linha de crédito escolhida. Ou seja, não é porque o indivíduo é um cliente do Banco do Brasil que ele necessariamente conseguirá obter as linhas de crédito. É necessário que o cliente tenha um renda adequada e um bom histórico de crédito.

Caso deseje saber mais sobre o programa Bom para Todos, é necessário entrar em contato com o Banco do Brasil. Para contatar a Central de Atendimento BB, ligue 4004 0001 ou 0800 729 0001. Para o SAC BB, disque 0800 729 0722. Agora, a fim de contatar a Ouvidoria do Banco do Brasil, ligue 0800 729 5678. Os deficientes auditivos ou de fala podem ligar para 0800 729 0088.


RSS por email

Deixe sua opinião “Bom Pra Todos- Como Conseguir Crédito? Quais as Taxas?

Regras para comentar

Os comentários são moderados e não serão aceitos ou respondidos sem cumprir as regras abaixo:

  1. Leia o artigo e os comentários para saber se sua questão já não foi respondida.
  2. Não respondemos por nenhuma empresa, sendo assim, não enviamos propostas ou damos suporte.
  3. Não faça propaganda.
  4. Comentários mal escritos, com erros e deselegantes, não serão aceitos.
  5. Não divulgue seus dados pessoais, como documentos, telefone, endereço etc, pois eles estarão vulneráveis.