Como Conseguir o Código de Barras para Pagar um Boleto? E a Segunda Via?

Atualmente, com todas as tecnologias existentes, é possível realizar pagamentos utilizando apenas os aplicativos bancários. No caso dos boletos, é ainda mais fácil, pois basta utilizar a opção de “Leitor de código de barras”, presente na maioria dos aplicativos. Assim, a câmera funciona como um leitor e identifica o pagamento que será feito. Desta forma, não é necessário utilizar a linha digitável que localiza-se acima do códogo de barras, o que economiza muito tempo.

Comumente, os boletos já são emitidos pelo código de barras, que lozaliza-se na parte inferior do documento. Porém, em alguns casos, o boleto pode ser emitido sem o código, seja por erro na hora de gerar ou converter o documento ou até mesmo pelo produto não estar disponível para pagamento com boleto. Nestes casos, indica-se gerar o boleto novamente. Caso não seja o suficiente, é possível solicitar ao lojista ou empresa que o boleto com código de barras seja enviado por email, diretamente.

Caso o boleto esteja vencido, é preciso emitir uma segunda via, com todos os encargos e juros atualizados. Isto pode ser feito na página do banco no qual será feito o pagamento. No Bradesco, por exemplo, basta ter o número do banco, o CPF ou CNPJ do beneficiário e do pagador ou a própria linha digitável do boleto para que seja emitida a 2ª via do documento.

Como conseguir um código de barras para fazer um pagamento?

O boleto é um documento que pode ser utilizado para o pagamento de algum produto ou serviço. Ele é emitido com diversas informações, como o valor do pagamento, data de vencimento, banco, moeda, beneficiário e devedor.

Ainda, o boleto também possui a Linha Digitável, um código com 48 dígitos separados em cinco campos, que sempre se localiza na parte superior e também inferior do documento. Esta linha digitável também pode ser convertida em um código de barras, a fim de facilitar o pagamento do indivíduo.

Caso opte por não utilizar o código de barras, é preciso inserir todos os números da Linha Digitável no campo indicado, seja no aplicativo bancario, Internet Banking ou caixa eletrônico. Este é um processo que pode ser demorado, devido à quantidade de números. Ainda, o indivíduo tamém pode inserir alguns algarismos errados, o que compromete o pagamento. Por isto, é muito mais fácil utilizar um código de barras e o leitor.

Saiba como conseguir o código de barras.

Saiba como conseguir o código de barras.

Para conseguir um código de barras, basta gerar um boleto na hora do pagamento. Por exemplo, caso esteja realizando um compra em um e-commerce, opte por pagamento por boleto, ao invés de cartão de crédito e débito em conta.

Comumente, os boletos serão emitidos com o código de barras. Porém, caso isto não ocorra, provalmente aconteceu algum problema na hora de gerar o documento. Assim, recomenda-se gerá-lo novamente.

Caso o boleto não esteja sendo emitido com o código de barras, é preciso entrar em contato com a loja em questão ou com o banco para que este problema seja solucionado. Informe o seu email para que o novo boleto seja enviado diretamente para ele.

Como emitir a segunda via?

O meio mais fácil e seguro de emitir a segunda via do boleto é diretamente pelo site do banco emissor do boleto. É possível identificar o banco o próprio documento, na parte superior da página.

No Banco do Brasil, basta entrar na página “2ª via de boletos de cobrança” e clicar em “Emita aqui”. A atualização pode ser feita informando a Linha Digitável e o CPF/CNPJ do pagador ou com o número do banco, CPF/CNPJ do pagador e CPF/CNPJ do beneficiário.

Já no Bradesco, é possível consultar os boletos registrados pela empresa beneficiária e, se ele já está vencido, é possível atualizar os encargos e pagar no mesmo dia. Basta ter o número do banco, o CPF/CNPJ do beneficiário e do pagador ou a linha digitável.


RSS por email

Deixe sua opinião “Como Conseguir o Código de Barras para Pagar um Boleto? E a Segunda Via?

Regras para comentar

Os comentários são moderados e não serão aceitos ou respondidos sem cumprir as regras abaixo:

  1. Leia o artigo e os comentários para saber se sua questão já não foi respondida.
  2. Não respondemos por nenhuma empresa, sendo assim, não enviamos propostas ou damos suporte.
  3. Não faça propaganda.
  4. Comentários mal escritos, com erros e deselegantes, não serão aceitos.
  5. Não divulgue seus dados pessoais, como documentos, telefone, endereço etc, pois eles estarão vulneráveis.