Posso Fazer Portabilidade para Conta Digital?

É inegável que as contas digitais se tornaram um dos principais produtos no mercado financeiro. Empresas como Nubank, Inter e Agipag se tornaram populares, oferecendo contas isentas ou com tarifas abaixo do mercado. Assim, muitas pessoas migraram para estas contas, utilizando-as cada vez mais.

Desta forma, os usuários procuram cada vez mais concentrar sua rendas nestas contas mais econômicas, buscando a portabilidade de salário. Ainda, algumas contas, como a NuConta, oferece rendimento de até 100% do CDI com liquidez diária. E, felizmente, o processo de portabilidade já é possível, de acordo com a nova resolução do CMN.

Portabilidade para Contas Digitais

As contas digitais estão cada vez mais obtendo concessões para oferecerem serviços semelhantes aos dos bancos tradicionais. E, de acordo com a nova resolução do CMN, sigla para Conselho Monetário Nacional, agora a portabilidade pode ser feita para os bancos digitais também.

Usualmente, quando um indivíduo é empregado, é aberta uma conta salário no banco de preferência da empresa. Assim, por meio desta conta, o funcionário recebe o seu salários todos os meses. Porém, muitas vezes, o indivíduo deseja usufruir dos benefícios de outros bancos, e não daquele escolhido.

Saiba como realizar a portabilidade para contas digitais.

A portabilidade, de acordo com a nova resolução do CMN, pode ser feita para contas digitais.

Para que o funcionário tenha mais poder de escolha, foi criada a portabilidade de salário, que permite que a quantia seja transferida para o banco de preferência. Isto é solicitado diretamente pelo banco escolhido pela pessoa, e a instituição tem até dois dias para completar o processo.

O Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou, em fevereiro de 2018, uma nova resolução que facilita o processo de portabilidade. Visto o aumento significativo de usuários de contas pré-pagas, de pagamentos e de novas instituições de pagamento autorizadas, a resolução  Resolução 4.639/2018, que entrou em vigor dia primeiro de julho, inseriu a portabilidade para estas novas alternativas.

Esta medida foi tomada pelo Pilar Sistema Financeiro Nacional Mais Eficiente, e teve como objetivo ampliar as opções para todos os clientes bancários. Confira abaixo esta nova resolução.

Art. 1º A Resolução nº 3.402, de 6 de setembro de 2006, passa a vigorar com as seguintes alterações:

Art. 2º […]

II – a instituição contratada deve:
a) informar ao beneficiário, por qualquer meio de comunicação disponível, acerca da abertura da conta de registro, esclarecendo, no mínimo, o conceito, as características, as regras básicas para movimentação dos recursos, as situações que ensejam a cobrança de tarifas, bem como sobre a faculdade de que trata a alínea “b”; e

b) assegurar a faculdade de transferência, com disponibilidade no mesmo dia, dos créditos para conta de depósitos ou conta de pagamento pré-paga de titularidade dos beneficiários, na própria instituição ou em outra autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil, observado o disposto no art. 2º-A.

Art. 2º-A Para efeito do disposto na alínea “b” do inciso II do caput do art. 2º, a indicação da conta a ser creditada deve ser objeto de comunicação pelo beneficiário à instituição contratada, em caráter de instrução permanente.

§ 1º A comunicação pode ser realizada por intermédio da instituição
destinatária, mediante manifestação inequívoca de vontade do beneficiário, passível de comprovação.

§ 2º É obrigatória a aceitação da comunicação, pela instituição contratada, no prazo máximo de cinco dias úteis, contado da data do seu recebimento.

§ 3º A comunicação prevista neste artigo:

I – pode ser realizada por escrito ou por meio eletrônico; e

II – deve ser mantida à disposição do Banco Central do Brasil pelo prazo mínimo de cinco anos após a data de encerramento da conta de que trata o art. 1º.” (NR)

Vale a pena realizar a portabilidade para contas digitais?

A portabilidade pode ser realizada tanto para bancos tradicionais quanto para bancos digitais. Porém, qual a vantagem de se realizar para um banco digital? Primeiro, os bancos digitais são instituições que possuem custos menores, de modo que o cliente não tem este custo repassado para ele. As contas usualmente possuem isenção de tarifas com as de TED e DOC.

Ademais, você pode gerenciar sua conta inteiramente por meio de aplicativos e pelo site das instituições, lhe concedendo um controle financeiro maior. Ainda, algumas contas, como a NuConta, possui vantagens para os seus usuários. A NuConta, por exemplo, rende até 100% do CDI em liquidez diária.


RSS por email

Deixe sua opinião “Posso Fazer Portabilidade para Conta Digital?

Regras para comentar

Os comentários são moderados e não serão aceitos ou respondidos sem cumprir as regras abaixo:

  1. Leia o artigo e os comentários para saber se sua questão já não foi respondida.
  2. Não respondemos por nenhuma empresa, sendo assim, não enviamos propostas ou damos suporte.
  3. Não faça propaganda.
  4. Comentários mal escritos, com erros e deselegantes, não serão aceitos.
  5. Não divulgue seus dados pessoais, como documentos, telefone, endereço etc, pois eles estarão vulneráveis.