Como Consultar o Nome Sujo no SPC e Serasa?

É muito importante que todos os indivíduos estejam atentos às suas dívidas e realizem o pagamentos destas corretamente. Caso isto ocorra, eles terão uma boa nota no Cadastro Positivo, um sistema que classifica todos os “bons pagadores”. Isto é benéfico pois as empresas têm acesso a estes dados, e conseguem oferecer propostas melhores aos clientes que possuem boas notas de crédito. Porém, em um oposto ao Cadastro Positivo, existem listas de cadastros negativos, que indicam os clientes que não pagaram suas dívidas como deveriam.

O SPC e a Serasa são órgãos de proteção ao crédito, que disponibilizam listas de pessoas que estão em situação de inadimplência às lojas, bancos e outras empresas. É possível consultar o nome em ambos os órgãos por meio dos sites Serasa Consumidor, Consumidor Positivo ou mesmo pelo SPC Brasil. Abaixo iremos falar mais sobre como estas consultas são feitas, confira.

Como consultar a Serasa?

A Serasa, cujo nome oficial é Serasa Experian, é uma empresa que tem como objetivo dar às lojas , empresas e aos bancos informações acerca dos clientes inadimplentes. Logo, são criadas listas dos devedores, de acordo com as informações providas pelos bancos e instituições financeiras. Na Serasa estão informações relativas às dívidas com cartões de crédito, empréstimos, cheques sem fundo, financiamentos, etc.

A consulta do CPF na Serasa pode ser feita nas agências físicas da empresa ou pelo site Serasa Consumidor. Neste site, basta realizar um cadastro ou entrar em seu perfil por meio da sua conta Google ou do Facebook.

Saiba como consultar o Serasa e SPC

Você pode consultar o seu CPF no Serasa por meio do Serasa Consumidor.

Na parte superior da página, irão aparecer as pendências que o indivíduo tem na Serasa, caso este seja o caso. Também irão estar disponíveis as ofertas de regularização de crédito. Porém, esta não é a única opção do Serasa Consumidor.

Logo abaixo das pendências, estará a proposta de eCred e o seu Serasa Score. O Serasa Score é uma pontuação que está entre 0 e 1000, e que indica qual a probabilidade de uma pessoa com certo perfil atrasar ou não uma conta. Esta pontuação leva em conta um grupo de pessoas. Logo, caso você tenha 30 anos, seu score será dado de acordo com sua classificação dentro da faixa de pessoas com a mesma idade.

Ainda, com o Limpa Nome é possível negociar suas dívidas com até 90% de desconto. Outra ferramenta muito útil é o Antifraude, que permite que o indivíduo monitore o seu CPF e se certifique de que suas informações não foram vazadas na Deep Web. Com o Serasa Ensina, o portal de educação financeira da plataforma, o usuário pode ver dicas sobre como manipular o seu dinheiro e saber lidar com ele de forma mais efetiva. No site do Serasa Consumidor existem ainda diversas outras ferramentas, como o Você Consulta e o eCred.

Como consultar o SPC?

O SPC, Serviço de Proteção ao Crédito, tem como objetivo o que o nome indica, proteger o crédito. Logo, também registra em uma lista o nome e CPF dos indivíduos inadimplentes. Como as dívidas as quais o SPC se referem são no comércio em geral e em companhias de energia e água, os dados são coletados e fornecidos pelas empresas e lojistas.

A consulta ao SPC pode ser feita online ou nas agências físicas, assim como a Serasa. Primeiramente, iremos falar sobre a consulta que pode ser feita no SPC Brasil, o site oficial da empresa. Porém, a consulta completa do CPF custa a R$9,90, enquanto a consulta do CPF no SPC e Serasa custa R$16,90. Acesse o site e clique em “Consulte”. Depois, é preciso pagar o valor devido.

Ademais, a consulta também pode ser feita pelo aplicativo SPC Consumidor, gratuitamente. Pode meio do app pode-se obter a informação sobre o valor devido, a data de vencimento da dívida, a empresa credora e também propor uma negociação. Esta consulta pode ser feita quantas vezes for preciso.

 


RSS por email

Deixe sua opinião “Como Consultar o Nome Sujo no SPC e Serasa?

Regras para comentar

Os comentários são moderados e não serão aceitos ou respondidos sem cumprir as regras abaixo:

  1. Leia o artigo e os comentários para saber se sua questão já não foi respondida.
  2. Não respondemos por nenhuma empresa, sendo assim, não enviamos propostas ou damos suporte.
  3. Não faça propaganda.
  4. Comentários mal escritos, com erros e deselegantes, não serão aceitos.
  5. Não divulgue seus dados pessoais, como documentos, telefone, endereço etc, pois eles estarão vulneráveis.