Os bancos prezam por oferecer certos serviços para facilitar a vida financeira dos seus clientes, como o cheque especial. Esta é uma linha de crédito pré aprovado que fica disponível na conta do cliente, e pode ser utilizada sempre que indivíduo necessitar. Porém, em algumas situações, o cliente bancário pode precisar de um valor acima do saldo que está disponível na sua conta, caso também já tenha usado o seu limite do cheque especial.

Nestes casos, em que o cliente precisa realizar uma transação mas não possui saldo na conta ou limite do cheque especial, o banco disponibiliza o serviço de Adiantamento ao Depositante. Assim, a instituição bancária realiza uma análise emergencial de crédito. E, se esta for aprovada, é adiantada uma quantia em dinheiro o suficiente para cobrir a operação que deve ser feita.

O Adiantamento ao Depositante é um serviço muito prático, que possibilita o pagamento de contas urgentes, evita que o indivíduo tenha suas compras rejeitadas no débito e a devolução de cheques, dentre outras situações incômodas. Como mencionado, este serviço está sujeito à análise de crédito e, caso o valor adiantado não seja coberto no mesmo dia, são cobradas taxas e tarifas. Abaixo, conheça mais sobre o Adiantamento ao Depositante e entenda todas as vantagens.

Adiantamento ao Depositante

Em diversas situações, em que ocorrem imprevistos ou não há planejamento financeiro, os indivíduos necessitam usar o limite do cheque especial. Este é um valor de crédito pré aprovado que fica disponível na conta do cliente bancário, quando há a contratação deste serviço. Porém, em alguns casos, o cheque especial não é suficiente, necessitando de um valor adicional para pagar contas, realizar transações, etc.

Desta forma, para estes casos em que o cliente bancário não há saldo ou limite do cheque especial disponíveis em sua conta, os bancos oferecem um serviço chamado de Adiantamento ao Depositante, em que, literalmente, é adiantado um valor ao indivíduo. Esta é uma situação especialmente recorrente para as pessoas que possuem contas cadastradas em débito automático.

É importante mencionar que o Adiantamento ao Depositante é cedido mediante a análise emergencial de crédito. Ou seja, é realizada uma análise rápida para determinar o fornecimento deste adiantamento ao cliente, e algumas pessoas podem não ser aprovadas para receber este crédito adicional.

Ainda, caso o adiantamento não seja quitado no mesmo dia em que for cedido, são cobrados encargos e tarifas pelo serviço. São cobradas diferentes valores de tarifas pelos bancos que possuem o Adiantamento ao Depositante. O Banco do Brasil, por exemplo, cobra R$ 59,85 pela operação, enquanto o Bradesco possui uma tarifa de R$ 58,70. Já o Santander possui a cobrança de R$ 51,80, enquanto o Itaú determinou o valor de R$ 59,90 para a prestação do serviço de Adiantamento ao Depositante.

Adiantamento ao Depositante
O Adiantamento ao Depositante é um serviço que adianta crédito para os clientes bancários que necessitem.

Logo, como pode-se perceber, este é um serviço custoso. É recomendado, portanto, sempre estar atento às contas do dia-a-dia para que evite-se usar tanto o cheque especial quanto o Adiantamento ao Depositante, para que não seja necessário arcar com custos adicionais. Mas, também, o Adiantamento ao Depositante pode ser muito útil caso o cliente bancário necessite realizar uma transação, sem a possibilidade de adiá-la, e necessite de crédito rápido. O Adiantamento ao Depositante, comumente, é cedido rapidamente.

O Adiantamento ao Depositante pode ser cedido automaticamente pelo banco, caso este já seja um serviço previamente contratado. Mas, caso o cliente deseje, ele também pode realizar a contratação do serviço, solicitando-o ao banco. No Banco Itaú, por exemplo, pode-se contratar o Adiantamento a qualquer momento nas agências, e é possível cancelar o serviço pela página do Itaú, enviando uma mensagem. Basta selecionar “Sim, possuo conta-corrente”, depois, “Solicitação”, “Cancelamento”, e, por fim, “Tarifa – Adiantamento a Depositante”.